Prefeitura Municipal

de Jequitibá-MG







SEMANA SANTA EM JEQUITIBÁ Enviar por e-mail  Imprimir esta notícia Receber por RSS
20/03/2017 11:23:22



PROGRAMAÇÃO DA SEMANA SANTA

 

A paróquia do santíssimo Sacramento, em comunhão com a diocese de Sete Lagoas, vem convidá-lo (a), sua família, amigos, comunidade Jequitibaense e visitantes para as solenidades da Semana Santa.

09 ABRIL - DOMINGO DE RAMOS

O Domingo de Ramos é o pórtico de entrada na Semana Santa. Neste dia a Igreja comemora a entrada de Jesus em Jerusalém, para consumar o seu mistério pascal. É uma entrada que prefigura e preludia a sua entrada, pela Ressurreição gloriosa, na Jerusalém Celeste. Jesus, porém, quis chegar ao triunfo passando pela Paixão e Morte. Por isso se lê, na Missa de Ramos, o evangelho da Paixão. Os fiéis são convidados a olhar para Jesus, o qual “sofreu por nós, deixando-nos o exemplo, para que sigamos os seus passos” (1 Pd 2, 21).

18h30min – Benção dos Ramos na Capela de Nossa Senhora do Rosário, em seguida procissão para Igreja Matriz do Santíssimo Sacramento (salão paroquial).

19h – Celebração Eucarística.  As leituras desta Missa, sobretudo a narração da Paixão segundo S. Mateus, colocam diante da assembleia o quadro dos acontecimentos dolorosos de Jesus que irão ser comemorados ao longo da Semana Santa. Convidados a seguir os seus passos, os cristãos sabem que “se sofremos com Ele, também com Ele seremos glorificados” (Rm 8, 17).

 

10  ABRIL - SEGUNDA-FEIRA SANTA

“O Senhor disse à Mãe: Mulher, eis aí teu Filho! E depois ao Discípulo: eis aí tua Mãe! ” (Jo 19,26-27

19h – Celebração Eucarística e em seguida procissão do depósito da imagem de Virgem Dolorosa para a Capela de Nossa Senhora do Rosário.

11 ABRIL - TERÇA-FEIRA SANTA

“Humilhou-se e tornou-se obediente até a morte” (Fl 2,6-8)

A solene Procissão dos Passos oferece aos fiéis, o mesmo que, na Missa de Ramos foi lido no evangelho da Paixão e recorda-nos que Jesus “sofreu por nós, deixando-nos o exemplo, para que sigamos os seus passos’ (1 Pd 2, 21). O próprio Jesus, o ‘Senhor dos Passos”, levando a cruz às costas, atravessa as ruas da Cidade, como outrora percorreu as de Jerusalém.

19h – Celebração Eucarística e em seguida procissão do depósito da imagem do Senhor dos Passos para a Capela de São Miguel.

 

12 ABRIL - QUARTA-FEIRA SANTA

“Levado como ovelha ao matadouro e maltratado, ele não abriu a boca” (At 8,32) 

19h – Saída das procissões com as imagens e cerimônia do encontro em frente da casa paroquial.

13 ABRIL - QUINTA-FEIRA SANTA

Celebração da Instituição da Eucaristia e do Sacerdócio

“Este é o meu mandamento: amai-vos uns aos outros como eu vos amei” (Jo 15,12)

9h -  Catedral de Santo Antônio

        Missa Crismal e Bênção dos Santos Óleos

Comemorando a instituição do sacerdócio, o Bispo Diocesano faz-se acompanhar de todo o clero da Diocese e com este, como presbitério participante do seu pleno sacerdócio, concelebra a Eucaristia. Durante a celebração, consagra os Santos Óleos, que serão levados pelos presbíteros para as suas paróquias a fim de servirem para ungir os batizandos e os doentes.

19h - Missa solene da Ceia do Senhor na Igreja do Santíssimo Sacramento (salão paroquial) com rito do Lava-pés. Cerimônia da desnudação do altar e trasladação do Santíssimo Sacramento para a capela na casa paroquial.  Adoração ao Santíssimo Sacramento até às 24h (meia noite).

14 ABRIL - SEXTA-FEIRA SANTA

Celebração da Paixão e Morte do Senhor

“Tendo amado os seus que estavam no mundo, amou-os até o fim” (Jo 13,1)

8h – Chegada das caminhadas.

9h – Celebração Penitencial na Igreja Matriz do Santíssimo (salão paroquial).

Obs: Em seguida Padre Reinaldo estará disponível para atender confissões.

15h – Igreja do Santíssimo Sacramento {salão paroquial} Celebração da Morte do Senhor

À mesma hora em que Cristo expirou, os cristãos celebram o mistério da sua Morte redentora. Não há Missa, como seu memorial, mas comemoração direta, integrando a sequência dos atos seguintes:

Obs: Em seguida Padre Reinaldo estará disponível para atender confissões.

19h – Apresentação do figurado bíblico e cerimônia do descendimento da cruz e sermão na praça da Matriz.

20h - Procissão do Enterro do Senhor

Esta imponente procissão — de todas a mais solene e comovente — leva pelas ruas da Cidade o esquife do Senhor morto. É precedido por um andor com a cruz despida e seguido pelo da Senhora das Dores. Apresentação do figurado bíblico e cerimônia do descendimento da cruz, e sermão na praça da Matriz. Em seguida, procissão do enterro com as imagens do Senhor Morto e da Virgem Dolorosa.

15 ABRIL - SÁBADO  SANTO

Celebração da Vigília Pascal

“Essa noite será de vigia para os filhos de Israel, de geração em geração, em honra do Senhor” (Ex 12,42)

Para a Vigília Pascal convergem todas as celebrações da Semana Santa e mesmo de todo o Ano Litúrgico. Lembrando a grande noite de vigília do povo hebreu no Egito, aguardando a hora da libertação (Ex 12), nela celebram os cristãos a sua própria redenção pelo mistério da Ressurreição de Cristo. Por ela se realiza a grande Páscoa ou Passagem da morte para a vida ou do estado de perdição para o estado de salvação. É a vitória final de Deus, em Cristo, sobre o pecado, o mal e a própria morte. No plano espiritual, os cristãos apropriam-se da graça desta passagem pelo Batismo. Por isso, a liturgia batismal tem aqui um lugar de destaque. A Vigília Pascal — chamada por Santo Agostinho “a mãe de todas as Vigílias” — é uma soleníssima celebração, muito rica de simbolismo global e de símbolos particulares: as trevas, a luz, a água, o círio pascal, a cor alegre dos paramentos, a explosão de som e luz.

19h – Solene Celebração da Vigília Pascal na Igreja Matriz do Santíssimo Sacramento (salão paroquial) 

20:30 h – Na quadra poliesportiva Bingo da Aleluia. Logo após, apresentação da Orquestra de Viola Caipira.

16 ABRIL - DOMINGO DA RESSURREIÇÃO

Celebração da Páscoa

“Ele não está mais aqui, ressuscitou!” (Lc 24,5-6)

Todo o Domingo é um dia pascal, porque simboliza e evoca, no ritmo cristão das semanas, o primeiro dia do mundo novo inaugurado com a Ressurreição de Cristo. O Domingo de Páscoa é, nesse sentido, o paradigma de todos os domingos. Por isso proclama a Liturgia: — “Este é o dia que o Senhor fez! Exultemos e cantemos de alegria!” Por isso também, nele, a Igreja celebra com especial solenidade a Eucaristia, memorial que recorda aquele mistério

07h - Missa solene da Páscoa do Senhor na Igreja de Nossa Senhora do Rosário.

19h30 min – Missa solene da Páscoa do Senhor na Igreja Matriz do Santíssimo Sacramento (salão paroquial).

 

Amados irmãos e irmãs!

Desejo renovar os meus votos de Boa Páscoa a todos vós. Possa ressoar nos vossos corações, nas vossas famílias e comunidades o anúncio da Ressurreição, acompanhada da calorosa presença de Jesus Vivo: presença que esclarece, conforta, perdoa, tranquiliza... Cristo venceu o mal pela raiz: é a porta da salvação, escancarada para que cada um possa encontrar a misericórdia.

Padre Reinaldo Tadeu Sztoltz

 


Fonte:

SEMANA SANTA EM JEQUITIBÁ - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização.

 AO VIVO - As principais notícias da sua cidade
 10/10/17 - PREFEITURA INAUGURA OBRAS NA REGIÃO
 06/10/17 - Prefeito Humberto vai à Brasília em busca de recursos
 21/09/17 - VISITA DO SECRETÁRIO DE CULTURA
 21/09/17 - O 29º FESTIVAL DE FOLCLORE DE JEQUITIBÁ FOI UM SUCESSO
 18/08/17 - Reunião com Dep. Eros Biondini
 ARQUIVO - Acesse todas as notícias


Jequitibá,
Busca

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba boletins informativos por e-mail.
Clique aqui para se cadastrar.

Em qual área a nova administração deve mais investir ?
Educação
Saúde
Transporte
Cultura
Lazer

Veja o resultado